Câmaras Frigoríficas - Purificador de ar Airfree

pesquisa
     
 

Pergunte a um especialista

     
     
     
 
 
Detalhe do produto
 
Detalhe do produto
Câmaras Frigoríficas

Câmaras Frigoríficas

  • Introdução
    • CÂMARAS FRIGORÍFICAS

      O desafio da qualidade alimentar.

      O principal desafio do armazenamento em ambientes refrigerados é a manutenção da qualidade dos alimentos, sejam eles crus ou processados.



      O "armazenamento frio" é uma grande conquista, possibilitando enfrentar, em vários aspetos, a perecibilidade e a deteriorabilidade dos alimentos.
      É uma das mais importantes armas usadas na tecnologia alimentar, já que se diminuem os custos da produção, melhora-se a qualidade dos alimentos, reduzem-se as perdas e o desperdício, mantém-se melhor o gosto, o sabor, a cor e a textura, além de se conservar a qualidade inicial desses produtos.

      Porém, a existir contaminação Microbiológica do recinto refrigerado, com posterior contaminação dos alimentos armazenados, isto resultará num enorme prejuízo!

      E quais são os principais microrganismos presentes no Frio?
      São os fungos e as bactérias.

      FUNGOS:

      A sua presença produz na câmara odores característicos dos mofos, o que altera as superfícies das carcaças armazenadas, evidenciando outros problemas.

      BACTÉRIAS:

      As principais bactérias presentes nos ambientes frios são as Psicrotróficas, organismos que se multiplicam no frio, produzindo enzimas que provocam alterações na carne e outros alimentos. Exemplo? Rancificação das gorduras, defeitos e alterações na consistência no produto, acompanhadas de exsudação com produção de líquidos oleosos (PRANDL-1994), além de odores a produto alterado.

      As principais bactérias Psicrotróficas são as Pseudomonas, principalmente a P.fragi. Segundo Prandl (1994) a proliferação de Pseudomonas e demais Psicrotróficos nas Câmaras deve-se a deficientes processos de higienização e demais aspetos de contaminações ambientais.

      Podem ocorrer contaminações de Salmonellas (crescimento a 6C) devido à contaminação cruzada, em virtude de armazenagem com aves congeladas.

      OS PURIFICADORES DO AR AIRFREE® reduzem, em média, 75% dos fungos e bactérias; reduzem drasticamente os odores orgânicos; previnem a contaminação cruzada e promovem uma maior durabilidade dos alimentos.

      Num teste realizado pela AINIA – Instituto Tecnológico Agroalimentario, Valencia – Espanha, um purificador Airfree foi colocado numa câmara fria para testar a eficácia da purificação a temperaturas de 3° – 5° C. Em 15 dias a concentração de fungos e leveduras foi reduzida em mais de 86%.

      Como funcionam?
      Reduzem drasticamente os microrganismos do ar por incineração. Na sequência, o ar contaminado é arrastado para o núcleo cerâmico do Airfree® e destruído a altas temperaturas. As partículas orgânicas que causam mau cheiro também são destruídas por esse núcleo de cerâmica, mantendo o ambiente sem odores desagradáveis.
      Este ciclo de purificação do ar é silencioso, não necessita de manutenção e é assegurado por inúmeros testes. (link para a nossa página de testes)



      CARACTERÍSTICAS AIRFREE®:

      Eficiente - Testado e aprovado em ambientes reais (sem simulações) nos melhores institutos do mundo. Airfree® destrói qualquer microrganismo que passe pelo seu conjunto cerâmico esterilizador, independentemente da sua periculosidade ou tamanho.

      Silencioso - Absolutamente sem ruído.

      Exclusivo - Tecnologia patenteada internacionalmente e exclusiva dos produtos Airfree®, a única que também reduz a concentração de ozono.

      Económico - Não há custos com troca de peças ou gastos significativos de energia, pois o consumo de um Airfree® é de apenas 48w por hora.

      Prático - Ligue e não se preocupe mais, já que os aparelhos não necessitam de manutenção ou limpeza.

      Sem contraindicações – Processo absolutamente natural que não utiliza produtos químicos ou tóxicos, nem radiação, e que também não interfere na temperatura ou humidade do ambiente.
       
       

       

  • FAQ´S
    • 1. COMO É QUE O AIRFREE® ELIMINA OS FUNGOS?
      Os fungos e os seus esporos, bem como outros microorganismos no ar são incinerados no interior dos capilares do Airfree®. Assim, os fungos vão diminuindo gradualmente até níveis muito baixos. Além dos fungos, também são eliminados esporos, bactérias e vírus.

      2. COMO É QUE O AIRFREE MATA OS ÁCAROS?
      O Airfree® elimina fungos. Para que o ácaro sobreviva é necessário que existam fungos para a sua alimentação e digestão.
      Ao eliminar os fungos, os ácaros não conseguem digerir os alimentos, morrendo por inanição.
      Nos ambientes, os ácaros possuem uma relação importante com os fungos, já que ao reduzir-se a população de fungos, a população de ácaros reduz também, como consequência.

      3. COMO FUNCIONA O APARELHO?
      O ar é purificado no interior do conjunto cerâmico patenteado Airfree®, onde existem dezenas de capilares aquecidos a cerca de 200°C.
      Ao passarem por esses capilares os microorganismos, por mais perigosos e tóxicos que sejam, são destruídos pelo calor. O ar aquecido provoca o fenómeno da conveção do ar (o ar aquecido sobe e sai do aparelho, formando uma pressão negativa na base do mesmo e fazendo com que um novo volume de ar contaminado seja aspirado), o que garante um fluxo de ar contínuo, de forma silenciosa e eficaz.

      4. EXISTEM CONTRA-INDICAÇÕES?
      Não. O uso do Airfree® não tem qualquer contra-indicação. Pelo contrário, ele deve ser utilizado em todos os ambientes para a purificação do ar. Ambiente tratado é sinónimo de saúde, conforto e conservação de móveis, equipamentos e objetos.

      5. O AIRFREE® AQUECE O AMBIENTE?
      Não. O Airfree® foi desenhado e projetado para não aumentar a temperatura do ambiente. Para se ter uma ideia, uma pessoa contribui com mais calor para um ambiente de 80 m³ (metros cúbicos) do que 2 aparelhos ligados.

      6. O AIRFREE® ALTERA A HUMIDADE RELATIVA DO AR?
      Não. O Airfree® não altera a humidade relativa do ar.

      7. O AIRFREE® ELIMINA BACTÉRIAS E GERMES DO AR?
      Sim. A função bactericida e germicida do Airfree® é reconhecida pelos melhores laboratórios mundiais - a maioria deles certificados pela norma ISO 17025, que concede o certificado de qualidade total em procedimentos laboratoriais.
      Veja aqui os nossos testes.

       

Produto Recomendado

Airfree Produtos Eletrónicos SA
VAT 507174240
Rua Julieta Ferrão nº 10, 9ºPiso
Fracção A Lisbon, Portugal
1600-131
Airfree Portugal
info@airfree.com
21 315 6222
www.airfree.pt